Certificações - Inciclo

  • O Inciclo recebeu liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária. De acordo com resoluções internas da ANVISA, o Departamento de Gerência de Tecnologia de Materiais de Uso em Saúde deferiu a liberação por não considerar o Inciclo um produto para saúde, já que o silicone é um material inerte, diferente do algodão, não funciona como um meio de cultura para bactérias. Assim, não tem classificação nesse órgão.

  • Nos EUA, o FDA (Food and Drug Administration) aprova o uso dos coletores menstruais.

  • Nas embalagens do Inciclo utilizamos papéis certificados com o selo FSC e a impressão é feita com tinta de soja. As emissões de carbono, resultado do processo de impressão, são compensadas através de plantio de árvores nativas de Mata Atlântica.

  • O Selo Carbon Free atesta que determinada atividade teve suas emissões de gases de efeito estufa inventariadas (utilizando a metodologia GHG Protocol) e compensadas por meio de restauro florestal de Mata Atlântica. A metodologia do programa excede as exigências da Resolução 30, de 14 de maio de 2009 da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo, que estabelece orientação para projetos voluntários de reflorestamento para compensação de emissões de gases de efeito estufa (GEE). Empresas, produtos ou eventos que aderem ao programa recebem o selo que pode ser utilizado em sua comunicação e publicidade, bem como um certificado com o número de árvores que foram plantadas e a quantidade de gases de efeito estufa compensada.

  • A Iniciativa Verde é uma instituição não governamental brasileira. Atua no território nacional, na quantificação e compensação de emissões de gases de efeito estufa decorrentes de atividades humanas. A compensação é feita através de restauros de matas ciliares do bioma Mata Atlântica.

  •  

    O Conselho Brasileiro de Manejo Florestal (FSC Brasil) é uma organização não-governamental, independente e sem fins lucrativos. A certificação FSC é um processo voluntário em que é realizada uma avaliação de um empreendimento florestal, por uma organização independente, a certificadora, e verificado os cumprimentos de questões ambientais, econômicas e sociais que fazem parte dos Princípios e Critérios do FSC.

  • A tinta à base de soja é biodegradáveis e tem a importante função de ser uma opção ecologicamente correta, de modo a evitar o crescente volume de emissão de “compostos orgânicos voláteis” (do inglês: VOC – Volatile Organic Compound).A composição da tinta a base do óleo de soja diminui drasticamente as emissões nocivas, reduzindo os impactos ambientais ao contrário do petróleo, a soja é um recurso renovável.